Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.bc.uepb.edu.br/jspui/handle/123456789/2092
Título: Desenvolvimento da bananeira nanicão (2º ciclo) em função da aplicação de biofertilizantes
Autor(es): Lima, Antônio Suassuna de
Palavras-chave: Banana
Agricultura orgânica
Fruticultura
Data do documento: 2-Out-2013
Resumo: A agricultura orgânica surge como uma alternativa de produção para os agricultores de base familiar nas regiões de clima semiárido. Objetivou-se com essa pesquisa estudar os efeitos de 4 tipos de biofertilizantes (B1 - não enriquecido à base de esterco, B2 - enriquecido à base de esterco, B3 - não enriquecido à base de soro e B4 - enriquecido à base de soro) e de 5 dosagens de biofertilizantes (D1 = 0 L/planta/vez, D2 = 0,4 L/planta/vez, D3 = 0,8 L/planta/vez, D4 = 1,2 L/planta/vez e D5 = 1,6 L/planta/vez) no crescimento e produção da bananeira Nanicão (2º ciclo). O experimento foi conduzido no período de Junho de 2008 a junho de 2009, em condições de campo, na Escola Agrotécnica do Cajueiro, no Centro de Ciências Humanas e Agrárias - CCHA, da Universidade Estadual da Paraíba - UEPB, Campus-IV, distando 2 km da sede do município de Catolé do Rocha-PB. O solo da área experimental é classificado como Neossolo Flúvico, com textura franco arenosa. O delineamento experimental adotado foi de blocos casualizado, com 20 tratamentos, no esquema fatorial 4x5, com quatro repetições, totalizando 80 plantas experimentais. As adubações de cobertura foram realizadas mensalmente, sendo utilizados os tipos e as dosagens de biofertilizantes preconizadas. Os biofertilizantes foram produzidos, de forma anaeróbia, em biodigestores formados por recipientes plásticos, com tampa roscada, com capacidade individual para 240 litros. A bananeira foi irrigada através de uma adaptação do sistema de irrigação localizado denominado “Bubller”, desenvolvido pela Universidade do Arizona (USA), sendo a condução da água feita através de canos e mangueiras utilizando-se a ação da gravidade. O sistema utiliza energia gravitacional através de pressão hidráulica fornecida por duas caixas d’água acopladas, elevadas a 3 metros de altura, que receberam água de um poço amazonas situado próximo à área experimental. O maior crescimento da bananeira Nanicão (2º ciclo) foi obtido com a aplicação da dosagem de biofertilizante de 0,80 L/planta/vez, havendo redução a partir daí. A maior produção da bananeira Nanicão (2º ciclo) foi obtida com a aplicação da dosagem de biofertilizante de 0,85 L/planta/vez, havendo redução a partir desse limite. Os tipos de biofertilizantes não afetaram de forma significativa o crescimento e a produção da bananeira Nanicão (2º ciclo).
Descrição: LIMA, A. S. de. Desenvolvimento da bananeira nanicão (2º ciclo) em função da aplicação de biofertilizantes. 2011. 47f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Licenciatura plena em Ciências Agrárias)- Universidade Estadual da Paraíba, Catolé do Rocha, 2011.
URI: http://dspace.bc.uepb.edu.br:8080/xmlui/handle/123456789/2092
Aparece nas coleções:62 - TCC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PDF - Antônio Suassuna de Lima parte 2.pdf156.66 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
PDF - Antônio Suassuna de Lima parte 1.pdf2.69 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.