Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.bc.uepb.edu.br/jspui/handle/123456789/2094
Título: Crescimento de mudas da goiabeira influenciado por biofertilizantes, volumes e tipos de solos
Autor(es): DINIZ, Marlon Breno Vieira de Sousa
Palavras-chave: Mudas
Goiaba
Fertilizantes
Data do documento: 2-Out-2013
Resumo: A propagação de mudas de goiabeira é um dos itens de fundamental importância para o sucesso da cultura. Assim sendo, objetivou-se com este trabalho, avaliar os efeitos do emprego de esterco bovino em associação com biofertilizantes líquidos em dois solos e volumes, aplicados via solo, na produção de mudas de goiabeira. O delineamento experimental empregado foi o inteiramente casualisado, adotando o esquema fatorial 5x2x2, em três repetições, referentes aos níveis de biofertilizantes (0; 2,5; 5; 7,5 e 10% v/v), dois volumes (Vı= 1 e V2=2 L) e dois tipos de solos (Sı= Neossolo Flúvico e S2= Neossolo Háplico). Desta forma, o experimento, contou de 60 unidades experimentais, onde foi cultivada uma planta de goiabeira por recipiente até aos 141 dias após a semeadura (DAS). A irrigação foi feita baseada no processo de pesagem fornecendo diariamente a cada unidade experimental o volume de água evaporada nas últimas 24 horas. Ao final do período experimental (141 DAS), foram analisadas as variáveis de crescimento: altura de planta, diâmetro caulinar, número de folhas, área foliar e razão da área foliar. O material vegetal colhido de cada repetição foi separado em raízes, caules e folhas, seco em estufa de circulação de ar a temperatura de 60 °C até atingir peso constant e, e pesado, para obtenção da fitomassa seca de caule, folhas, parte aérea, raiz, total e a relação raiz parte aérea. Pelos resultados, podemos concluir que, independentemente dos volumes e solos utilizados a adição de biofertilizantes a 5 e 6, 86% respectivamente, no substrato induziu o maior crescimento e maiores peso de fitomassa seca em mudas de goiabeira.
Descrição: DINIZ, M. B. V. S. Crescimento de mudas de goiabeira influenciado por biofertilizantes, volumes e tipos de solos. 2011. 47f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação plena em Ciências Agrárias)- Universidade Estadual da Paraíba, Catolé do Rocha, 2011.
URI: http://dspace.bc.uepb.edu.br:8080/xmlui/handle/123456789/2094
Aparece nas coleções:62 - TCC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PDF - Marlon Breno Vieira de Souza Diniz.pdf696.2 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.