Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.bc.uepb.edu.br/jspui/handle/123456789/23333
Título: Fontes orgânicas e lâminas de irrigação no cultivo de mudas de maracujazeiro amarelo
Autor(es): Melo, Priscila Rejane Mota de
Palavras-chave: Sustentabilidade do solo
Matéria orgânica
Maracujá
Irrigação
Água disponível no solo
Data do documento: 23-Fev-2021
Resumo: O sucesso agronômico de um pomar inicia-se com a produção de mudas de alta sanidade e qualidade genética adequada para cada região. Este trabalho foi realizado objetivando-se avaliar fontes orgânicas e o manejo da irrigação na produção de mudas de maracujazeiro amarelo. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial ((4 x 2 x 2) + 1), com cinco repetições, referente aos níveis dos adubos (2,5; 5,0; 7,5 e 10%) de matéria orgânica no solo (MOS)), conforme sugestão de Bertino et al. (2015), dois níveis de água disponível no substrato (ADS): L1 = 100% ADS e L2 = 60% ADS, duas fontes de matéria orgânica com relação C/N 18:1 e 15:1 (Tabela 1): esterco bovino (EB) e esterco caprino (EC) e uma testemunha absoluta, referente a ausência de adubação orgânica e de estresse, totalizando 17 tratamentos e 81 unidades experimentais. Aos 57 dias após o transplantio, avaliaram-se a altura da planta, o diâmetro do caule, a área foliar, o peso verde total, o peso seco da parte aérea, peso seco total, comprimento de raiz, teor relativo de água nas plantas e o índice de qualidade de dickson seca da raiz e da parte aérea. Pelos resultados obtidos, as mudas de maracujazeiro amarelo cultivadas com 100% de água disponível no solo (ADS) sobressaíram aquelas cultivadas com 60% ADS. O esterco caprino foi mais eficiente no uso da água pelas em plantas em comparação ao esterco bovino. O teor de matéria orgânica no substrato entre 5% a 7% proporcionou mudas de maracujazeiro agronomicamente viável para o cultivo.
Descrição: MELO, P. R. M. de. Fontes orgânicas e lâminas de Irrigação no cultivo de mudas de maracujazeiro amarelo. 2021. 43f. Trabalho de Conclusão do Curso (Especialização em Sistemas Produtivos Sustentáveis para o Semiárido) - Universidade Estadual da Paraíba, Catolé do Rocha, 2021.
URI: http://dspace.bc.uepb.edu.br/jspui/handle/123456789/23333
Aparece nas coleções:IV - ESPSS - Monografias

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PDF - Priscila Rejane Mota de melo.pdfPDF - Priscila Rejane MOta de Melo2.03 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Termo_de_Deposito_TCC priscila.pdfTermo de depósito143.5 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.